Executivo oferece 5,35% de reajuste somado a 10% no ticket de alimentação em nova proposta

Na manhã de hoje (22), os dirigentes Débora Soares, Geniane Dutra e Tiago Machado, em conjunto do setor Jurídico do CMP, se reuniram com os representantes do Poder Executivo para tratar das negociações do data-base de 2022.

Uma das questões levadas pela direção foi o repasse de verba do Fundeb, fundo criado especificamente para a valorização profissional da categoria e financiamento da educação básica e pública. A nova proposta do Executivo é de 5,35% de reposição, a ser pago no mês de março, somado a 10% no ticket de alimentação, sendo que este não contemplaria as aposentadas e aposentados.
De acordo com o procurador geral e o secretário de finanças, o reajuste do Fundeb deste ano foi cerca de 5%, o que inviabilizaria o pagamento de 33,24% do piso nacional do magistério.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 16 =

Deixe sua mensagem que entraremos em contato com você o mais breve possível.

WHATSAPP